A NOVA CONFORMAÇÃO LEGAL DA REMESSA NECESSÁRIA

João Pereira Monteiro Neto

Resumo


O objetivo do trabalho, que tem o direito processual como campo de estudo, é abordar criticamente o instituto da remessa necessária à luz de sua nova conformação estabelecida pelo Código de Processo Civil de 2015. Para tratar dos aspectos mais significativos da disciplina legal, serão consideradas as hipóteses gerais de incidência da remessa necessária (art. 496 do CPC/2015) e algumas situações especiais, relacionadas a mudanças estruturais no procedimento, para esclarecer, caso a caso, a incidência ou não do instituto. O tipo de pesquisa empregado é operatório, acompanhado de técnicas bibliográfica e documental, pautado em método indutivo, que visa à análise crítica das normas relativas ao tema para propiciar, como síntese geral, um estudo de elevado aproveitamento na solução de problemas práticos verificados na praxe forense. O resultado da pesquisa, com esteio nas respostas específicas obtidas, culminou na seguinte conclusão geral: não obstante o CPC/2015 tenha dispensado tratamento mais restritivo à remessa necessária, prerrogativa do Poder Público que se mantém sobressalente no sistema processual brasileiro, há que se admiti-la nas hipóteses de decisão parcial de mérito e de embargos parciais à ação monitória. Já a fase de liquidação de sentença, os embargos à execução propostos pela Fazenda Pública e o fenômeno da estabilização da tutela de urgência antecipatória incompatibilizam-se sistematicamente com o instituto examinado.     


Texto completo:

PDF

Referências


ALESSI, Renato. Principi di Diritto Amministrativo. Milano: Giuffrè, 1966.

AMARAL, Paulo Osternack. A remessa necessária no novo CPC. In Repercussões do Novo CPC, v. 10. Coord. Eduardo Talamini. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 227-238. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

ARAÚJO FILHO, Luiz Paulo da Silva et al. Comentários ao novo Código de Processo Civil. 2. ed. Coords. Antonio do Passo Cabral e Ronaldo Cramer. Rio de Janeiro: Forense, 2016.

BONATO, Giovanni. Tutela anticipatoria di urgenza e sua stabilizzazione nel nuovo c.p.c brasiliano: comparazione con il sistema francese e con quello italiano. In Revista de Processo Comparado, v. 4, p. 65-128. Revista dos Tribunais: São Paulo, 2016.

BONIZZI, Marcelo José Magalhães. A Fazenda Pública frente ao novo CPC: notas sobre a aplicação das novas regras aos processos em curso. In Direito intertemporal. Coleção Grandes Temas do Novo CPC, v. 7. Coords. Flávio Luiz Yarshell e Fabio Guidi Tabosa Pessoa. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 377-386. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

CIANCI, Mirna. Ensaio sobre o duplo grau de jurisdição obrigatório. O necessário (e adequado) reexame. In Revista de Informação Legislativa do Senado Federal, ano 48, n. 190, abr./jun. 2011, p. 59-91. Brasília: Senado Federal, 2011.

COLLUCCI, Ricardo. Primeiras impressões sobre o tratamento dado à “ação monitória” no NCPC. In O novo Código de Processo Civil brasileiro – Estudos dirigidos: sistematização e procedimentos. Coords. Thereza Alvim, Luiz Henrique Volpe Camargo, Leonard Ziesemer Schmitz e Nathália Gonçalves de Macedo Carvalho, p. 659-682. Rio de Janeiro: Forense, 2015.

COSTA, Regina Helena. As prerrogativas e o interesse da Justiça. In Direito processual público: a Fazenda Pública em juízo. Coords. Carlos Ari Sundfeld e Cassio Scarpinella Bueno, p. 79-88. São Paulo: Malheiros, 2000.

DIDIER JR., Fredie; CUNHA, Leonardo Carneiro da. Remessa necessária. In Repercussões do Novo CPC, v. 10. Coord. Eduardo Talamini. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 169-191. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

DINAMARCO, Cândido Rangel. Execução civil. 6. ed. rev. e atual. São Paulo: Malheiros, 1998.

FRANCO, Fernão Borba. A Fazenda Pública e o novo CPC. In Direito intertemporal. Coleção Grandes Temas do Novo CPC, v. 7. Coords. Flávio Luiz Yarshell e Fabio Guidi Tabosa Pessoa. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 279-304. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

LIEBMAN, Enrico Tullio. Eficácia e autoridade da sentença e outros escritos sobre a coisa julgada. 3. ed. Trad. Alfredo Buzaid e Benvindo Aires. Tradução dos textos posteriores à edição de 1945 e notas relativas ao direito brasileiro vigente: Ada Pellegrini Grinover. Rio de Janeiro: Forense, 1984.

LUCON, Paulo Henrique dos Santos. Eficácia das Decisões e Execução Provisória. São Paulo: Revista dos Tribunais, 2000.

MARCATO, Antonio Carlos. Ação monitória: seu regime jurídico e a Fazenda Pública. In Direito processual público: a Fazenda Pública em juízo. Coords. Carlos Ari Sundfeld e Cassio Scarpinella Bueno, p. 196-211. São Paulo: Malheiros, 2000.

MIRANDA, Jorge. Manual de Direito Constitucional. t. IV. 3. ed. Coimbra: Coimbra Editora, 2000.

MOLLICA, Rogerio. A remessa necessária e o novo Código de Processo Civil. In Novo CPC doutrina selecionada, v. 6: Processo nos tribunais e meios de impugnação às decisões judiciais. 2. ed. Coord. Fredie Didier Jr. Orgs. Lucas Buril de Macêdo, Ravi Peixoto e Alexandre Freire, p. 101-112. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

MOREIRA, José Carlos Barbosa. Em defesa da revisão obrigatória das sentenças contrárias à Fazenda Pública. In Revista de Direito da Procuradoria Geral do Estado do Rio de Janeiro, v. 58, p. 116-124. Rio de Janeiro: Revista de Direito da PGE-RJ, 2004.

RODRIGUES, Marco Antonio. A Fazenda Pública no processo civil. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2016.

SCALABRIN, Felipe; SANTANNA, Gustavo. Perfil da remessa necessária no novo Código de Processo Civil. In Desvendando o novo CPC. 2. ed. Orgs. Darci Guimarães Ribeiro e Marco Félix Jobim, p. 61-75. São Paulo: Livraria do Advogado, 2016.

SICA, Heitor Vitor Mendonça. Doze problemas e onze soluções quanto à chamada “estabilização da tutela antecipada”. In Tutela provisória no novo CPC: Dos 20 anos de vigência do art. 273 do CPC/1973 ao CPC/2015. Coords. Cassio Scarpinella Bueno, Elias Marques de Medeiros Neto, Olavo de Oliveira Neto, Patrícia Elias Cozzolino de Oliveira e Paulo Henrique dos Santos Lucon, p. 400-422. São Paulo: Saraiva, 2016.

VIANA, Juvêncio Vasconcelos. Execução contra a Fazenda Pública. São Paulo: Dialética, 1998.

WLADECK, Felipe Scripes. O novo CPC e a execução para pagamento de quantia certa contra a Fazenda Pública. In Repercussões do Novo CPC, v. 10. Coord. Eduardo Talamini. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 111-127. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.

ZENKNER, Marcelo. O (velho) reexame necessário no novo CPC. In Fazenda Pública. Coleção Repercussões do Novo CPC, v. 3. 2. ed. Coords. José Henrique Mouta Araújo, Leonardo Carneiro da Cunha e Marco Antonio Rodrigues. Coord. Geral Fredie Didier Jr., p. 441-454. Salvador: Editora JusPodivm, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.